Representações Sociais, Desenvolvimento Humano e Educação

Virginia Mara Próspero da Cunha

Resumo


Nesta segunda edição de 2018 da Revista de Ciências Humanas da Universidade de Taubaté, editada pelo Programa de Pós-graduação em Educação e Desenvolvimento Humano, apresentamos uma coletânea de artigos enviados por pesquisadores de diversas localidades brasileiras, vinculados a renomadas instituições como a Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), Universidade Federal do Espírito Santo (PPGEF/UFES) e Pontifícia Universidade Católica (PUC/SP).
Abrimos a edição com seis artigos que abordam aspectos da Teoria das Representações Sociais: A cidade idílica, a cidade interrompida e a cidade possível: as crianças falam sobre as obras da copa do mundo em Cuiabá, de autoria de Jeysson Ricardo Fernandes da Cunha e Daniela Barros da Silva Freire Andrade; Dança circular e representações sociais: novos possíveis na Universidade, de Tatiana Siqueira Trindade, Adriane Roso, Deisi Sangoi Freitas e Anniara Lúcia Dornelles de Lima; Práticas docentes e ancoragem da inclusão de surdos no ensino superior, de Lila Maria Spadoni Lemes e Elza Maria do Socorro da Silva; Representação Social de risco no trabalho por alunos do curso técnico de segurança do trabalho, de Eliane Ayrolla Navega Chagas e Rita de Cássia Pereira Lima; Representações Sociais sobre a comida da infância para idosos: um olhar sobre o passado e o presente, de Aline Liz Faria, Edna Maria Querido de Oliveira Chamon, Marluce Auxiliadora Glaus Leão e Alexandra Magna Rodrigues; Representações Sociais de idosos e condições de vida no meio rural, de Silvia Virginia Coutinho Areosa e Cristiane Davina Redin Freitas. Os artigos, mesmo com objetivos distintos, apresentam a importância dessa teoria para compreender fenômenos sociais da atualidade, além da reflexão pertinente sobre a temática da deficiência e do envelhecimento.
A reflexão sobre a segurança e gestão de alimentos foram temas de dois artigos que abrem a sequência de textos desta edição:  A produção do alimento destinado ao restaurante universitário, de autoria de João Roberto Rosa e Silva, José Trajano de Souza, Edivaldo Lima Frazão e Juciany Costa Lobo; Aprendizagem Baseada em Projetos no ensino da segurança dos alimentos, de Sávia Vidal e Tiago Fuzaro. Este segundo artigo trata também de metodologias ativas no processo de ensino e aprendizagem, o que é corroborado pelo artigo apresentado na sequência, A tutoria acadêmica do Programa de Mestrado Profissional em Educação: formação de formadores, da PUC-SP: um espaço de aprendizagem colaborativa e crítica, de Luciana Andréa Afonso Sigalla, Maria Emiliana Lima Penteado e Rodnei Pereira.
A educação em Ciências: o caso da formação escolar em engenharia, de Rogério Rodrigues é o artigo que apresenta a esfera educacional desta edição, seguido pelo artigo com foco na formação de professores: Memórias de professores sobre os conflitos que viveram na infância: um pressuposto para a formação de professores, de Vanessa Pinheiro Nassif e Mariana Aranha de Souza.

Encerrando esta edição, apresentamos o artigo “Um estranho no ninho”: a pós-graduação stricto sensu no PPGEF/UFES frente às políticas científicas da área 21, de Rodrigo Lema del Rio Martins, Felipe Quintão de Almeida e André da Silva Mello, que trata das produções que discutem o sistema de Pós-Graduação no Brasil e as políticas de avaliação da Capes.
Nesta edição, buscamos manter a diversidade de temas e de abordagens, contribuindo para o processo de formação acadêmica, sem perder a perspectiva interdisciplinar, proposta desta Revista. Esperamos que a leitura dos artigos produza interessantes aprendizados e reflexões.
Agradecemos aos autores que nos confiaram seus textos e aos avaliadores, cujo trabalho dedicado nos permite manter uma publicação de qualidade.

Abraços e boa leitura,

Profa. Dra. Virginia Mara Próspero da Cunha
Docente do Programa de Pós-graduação em Educação e Desenvolvimento Humano da Universidade de Taubaté

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.32813/2179-1120.2018.v11.n2.a490

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista Ciências Humanas

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

Revista Ciências Humanas - eISSN: 2179-1120




Programa Anti-plágio utilizado:

CopySpider