A EDUCAÇÃO COMO DIREITO SOCIAL E EXERCÍCIO DA CIDADANIA: UM ESTUDO SOBRE O PROCESSO DA REDEMOCRATIZAÇÃO BRASILEIRA (1985 A 2015)

  • Ana Cristina Carvalho Sá Barreto Universidade Federal de Lavras - UFLA
Palavras-chave: Educação Crítica, Direitos Sociais, Conscientização, Formação de Professores

Resumo

O presente trabalho tem como título a educação como direito social e exercício da cidadania: um estudo sobre o processo da redemocratização brasileira (1985 a 2015), que problematiza a questão da necessidade da conscientização crítica do docente/discente para que reconheçam o seu direito à educação e lute por sua melhor efetivação. A discussão da formação docente terá como um dos referenciais básicos a pedagogia emancipatória de Paulo Freire. Entendemos que a perspectiva dialógica de Freire é um dos pressupostos fundamentais para promover a consciência do educando e torná-lo sujeito. Outro referencial que buscamos ancorar essa pesquisa é o educador Dermeval Saviani, cuja proposta de educação é teórico – crítica e é uma importante referência para se compreender o sistema educacional brasileiro. A metodologia utilizada será uma abordagem qualitativa utilizando a técnica exploratória e tem como foco fazer uma análise documental de leis sancionadas referentes à educação. Esperamos com esse trabalho poder contribuir para a disseminação de uma educação mais crítica e consciente para o efetivo exercício da cidadania.

Biografia do Autor

Ana Cristina Carvalho Sá Barreto, Universidade Federal de Lavras - UFLA
Graduada em Letras pelas Faculdades Integradas de Cataguases (2006). Especialista em Psicopedagogia Institucional pela Universidade Castelo Branco (2010) e em Desenvolvimento Humano: interfaces práticas em educação e saúde (2012). Mestra em Educação pela Universidade Federal de Lavras. Possui experiência na área de ensino nas áreas de Letras, com ênfase em língua inglesa, portuguesa e suas respectivas literaturas.
Publicado
2015-12-25